Pesquise no Blog do Boratrampar!

O que realmente importa? Carreira x Missão

Postado em 31/08/2017 - Texto de Jamile Maruchi


Categoria: Intrapessoal


O que realmente importa? Carreira x Missão

O que realmente importa?

Você tem chegado em casa, num estágio prá lá da exaustão e a sensação de que não fez metade do que gostaria ou precisava?

Você já parou pra pensar o que pode estar por traz deste cansaço?

Será a alta demanda de trabalho? A empresa que você trabalha não está como era antes? Você fica tentando sempre que possível dizer pra si mesmo que é só uma fase e logo passará?

Muitos de nós temos a referência de que quando chegamos em casa, chegamos no nosso porto seguro, lugar aonde nada nem ninguém irá nos incomodar. E quando você chega em casa, você tem tido prazer de estar em casa? Ou tem ficado incomodado de estar em casa e começar a pensar muitas coisas e de repente, você começa a ouvir uma voz dizendo que não está bom do jeito que está, não está prazeroso, mas, o que fazer?

As vezes é chegado o momento de você se permitir ouvir aquela voz que está quase estrangulada de vontade de sair e, claro que não sai, porque imagina se sair...o que as pessoas do seu convívio vão achar? Achar que você enlouqueceu? Não está mais falando coisa com coisa? 

E você o que acharia de ouvir a voz do seu coração e fazer o que sempre desejou ou tem vontade de fazer?

E se desse certo?

Viemos de um funcionamento aonde, precisamos nos adequar ao movimento e entrar e seguir o fluxo. Imagina fazer algo que nos dá prazer? Porque se der prazer, com certeza não dá dinheiro (isto é a voz do nosso julgamento).

Então olha só... Você sabia que o coração tem um sistema de neurônios que possuem tanto a memória de curto prazo quanto de longo prazo, e os seus sinais enviados para o cérebro, podem afetar nossas experiências emocionais? Você sabia que o coração envia mais informação ao cérebro do que vice versa? (Infos segundo pesquisa do Instituto Heart Math sobre o funcionamento do coração).

Se aproprie do seu propósito de vida, realmente da sua missão. A missão pode sim te dar prazer e também você ser bem remunerado por isso, precisa do alinhamento, permissão, apropriação e coragem!

Conheça a Jamile Maruchi  no Linkedin.  


Categorias